Câmara de vereadores de São Luís aprova requerimento que beneficia agricultores da zona rural.

Durante sessão ordinária nesta quarta-feira (17), o plenário da Câmara Municipal de São Luís aprovou, por unanimidade, requerimento que visa qualificar e ampliar a produtividade dos pequenos produtores da zona rural de São Luís, por meio de palestras e cursos técnicos gratuitos, que deverão ser promovidos pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Pesca e Abastecimento (Semapa).

O requerimento foi encaminhado pelo vereador Roberto Rocha Júnior (PSB), e pretende beneficiar centenas de pequenos produtores, que têm na agricultura familiar a sua única fonte de renda. Entre os cursos de capacitação sugeridos pelo parlamentar, está o de montagem de sistema de irrigação, que irá ensinar aos agricultores, entre outras coisas, sobre as vantagens do uso consciente e racional da água na irrigação da produção.
O requerimento sugere ainda que todos os cursos e palestras oferecidos sejam estendidos aos filhos dos agricultores, para capacitá-los para um melhor manejo e aperfeiçoamento das atividades relacionadas à agricultura familiar.
 “A agricultura familiar é responsável pela maior parte dos alimentos que chegam às nossas mesas hoje. Portanto, temos que criar políticas públicas e investir cada vez mais na qualificação desses agricultores, e de toda a sua família, por meio de cursos e palestras que ensinem novas técnicas de produção sustentável. Com isso, eles irão valorizar ainda mais o trabalho do campo, melhorando as condições de vida de todos que moram na zona rural”,disse Roberto Rocha Júnior, autor da proposição.

Prefeitura de São Luís entrega reforma do Mercado Municipal do Anil.

Feirantes e consumidores se disseram satisfeitos com a reforma do mercado, que, para eles, foi muito bem-vinda. Destacaram que a melhoria foi bastante aguardada por todos e se mostraram felizes ao ver tudo pronto. “Agora temos um lugar melhor para trabalhar”, comemorou um vendedor de pescado.
 

As obras de revitalização do mercado da Vila Palmeira, também já está com data prevista para ser entregue na primeira de quinzena de março.
“Estamos trabalhando intensamente para cumprir a determinação do prefeito Edivaldo de garantir condições dignas de trabalho aos feirantes da Vila Palmeira. O novo espaço vai trazer um grande benefício para eles, que terão seus negócios revitalizados, e para os consumidores, que irão contar com um mercado amplo, higiênico e moderno”, declarou o titular da Semapa, Aldo Rogerio.
O Mercado da Vila Palmeira terá estrutura para 167 boxes em toda a sua extensão. Todos com revestimento em cerâmica e balcão de inox, com piso de concreto industrial de alta resistência. Novos banheiros e rampas de acessibilidade para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.
São Luís tem 28 feiras e mercados, sendo 11 destas administrados pela Semapa. Os demais centros de comercialização são da responsabilidade de associações, em parceria com a Prefeitura.