Prefeitura de São Luís fará modificações no trânsito nos locais de passagem da Tocha Olímpica

Prefeitura de São Luís fará modificações no trânsito nos locais de passagem da Tocha OlímpicaEnviar imagensA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), fará intervenções no trânsito de São Luís nos pontos por onde a Tocha Olímpica passará neste domingo (12). O símbolo Olímpico percorrerá 20 bairros, em 39 quilômetros. Um efetivo de 110 agentes de trânsito, cinco operadores de guincho e 15 batedores estarão nestes locais, já no início da manhã, atuando na organização do trânsito.
A chegada da Tocha na capital maranhense está marcada para as 9h30, no Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machado. De lá, segue, em comboio, para a Praça Dom Pedro II, parando em frente a Prefeitura, onde tem início o trajeto. Depois de Brasília, São Luís é a primeira cidade onde a Tocha Olímpica ficará durante todo o dia e pernoitará.
“Todo o nosso efetivo estará trabalhando para dar a cobertura necessária, com batedores e agentes de trânsito atuando em várias frentes, desobstruindo vias e garantindo as interdições programadas para as vias por onde a Tocha passará”, explicou o secretário adjunto da SMTT, Israel Petrus.
ALTERAÇÕES NO TRÂNSITO
– PRAÇA PEDRO II
Todos os acesso à Praça Dom Pedro II serão fechados com a presença de agentes de trânsito. Será proibido circular e estacionar veículos em toda praça até o cruzamento da Av. Dom Pedro II com Rua do Egito. O estacionamento de veículos na Rua do Egito até a esquina com a Rua do Sol, também não será permitido. As Rua de Nazareth, Rua da Estrela e Rua Dialma Dutra são apenas para estacionamento.
BRADESCO NA MAGALHAES DE ALMEIDA
Será proibido o estacionamento na Av. Magalhaes de Almeida a partir do Banco Bradesco até a frente do Mercado Central.
– PRAÇA DA RESSUREIÇÃO NO ANJO DA GUARDA
O trânsito estará interditado em todo o entorno da Praça da Ressureição, sendo proibido o estacionamento de veículos em toda área reservada, que começa na Rua Palestina ao lado do supermercado Carone.
– PERCURSO DENTRO DO ANJO DA GUARDA
Percurso será pela Rua Odylo Costa, filho até as imediações da Praça do Canhão e retorna pela mesma rua acessando a Rua Palestina, ao lado do Supermercado Carone. Neste percurso não será permitida a circulação, nem o estacionamento de veículos.
– PRAÇA NOSSA SENHORA DE NAZARÉ – COHATRAC
Será proibido o estacionamento na Avenida Contorno Leste Oeste, do retorno da Delegacia até a Avenida Contorno Leste. Trabalho que será feito com auxilio de viaturas orientando os condutores da proibição. Para garantir a passagem da Tocha será necessário o fechamento do perímetro do retorno da Delegacia até esquina da Rua Seis.
– TURU – PRAÇA ATRÁS DO POSTO POLICIAL SAISP-NORTE
Serão fechadas as entradas da Rua Mato Grosso e Rua Rio Branco e proibido o estacionamento de veículos na Avenida Sete, em frente ao SAISP, Rua Acre, Rua Dezoito e Rua Oito.
– LITORÂNEA
Será proibido o estacionamento de veículos na Avenida Litorânea, da esquina da Avenida Copacabana até o retorno em frente ao Bar Pioneiro para facilitar o deslocamento e conversão do comboio. Serão proibidos veículos na rua do acesso a lateral da Praça do Pescador.
– LAGOA DA JANSEN
A Rua das Pipiras fica fechada sendo proibido o estacionamento na via. Terão acesso apenas os morados que serão orientados pelos agentes da proibição em decorrência do evento.
– HOTEL PRAIA MAR
Será proibido o estacionamento de veículos na Rua São Marcos em frente ao Hotel Praia Mar.
-ESPIGÃO COSTEIRO
Serão proibidos os estacionamentos de veículos na Rua do Forte da esquina da Rua das Verbenas passando em frente ao Espigão e finalizando com a Rua das Verbenas.
-PRAÇA MARIA ARAGÃO
Será proibido o estacionamento de veículos na Avenida Beira Mar em frente a Praça Maria Aragão até aproximadamente 50 metros após a escadaria lateral.

Seminário promovido pela Prefeitura de São Luís destaca projetos e serviços da Semfaz

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz), em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade (CRC/MA), realizou na última quarta-feira (8), “Seminário sobre Projetos e Serviços em Execução na Semfaz”. O evento, voltado para profissionais de contabilidade e estudantes da área contábil, teve como objetivo apresentar aos participantes as ferramentas utilizadas pela secretaria.
De acordo com o Secretário da Fazenda, Raimundo Rodrigues, o seminário é importante porque permite a comunicação do fisco municipal com os profissionais e alunos da área contábil. “Essa partilha de informações objetiva que os usuários conheçam mais profundamente as ferramentas que a Semfaz está disponibilizando, e os processos de mudanças que estamos passando através da modernização da administração tributária, visando o fortalecimento das capacidades gerenciais, normativas, operacionais e tecnológicas para melhor atender a sociedade”, enfatizou Rodrigues.
Durante o evento, realizado no Teatro Maria Izabel da UNDB – Renascença, os participantes tiveram a oportunidade de conhecer temas específicos dos serviços tecnológicos lançados pela Prefeitura, bem como projetos que serão implantados na área fazendária, desde legislação e conhecimentos específicos até a prática de operação pelos usuários.
O seminário foi estruturado em painéis temáticos, apresentados pelo corpo técnico da Fazenda Municipal, que falaram sobre o Planejamento Estratégico da Fiscalização, Atualização do Código Tributário do Município, Simples Nacional, REDESIM, Protesto e Atendimento ao Contribuinte.
Paralelo ao seminário foi realizada a oficina “Escritório Virtual”, para demonstração do funcionamento dos aplicativos utilizados na Semfaz. Após o encerramento dos painéis, os participantes do seminário tiveram a oportunidade de elucidar dúvidas e contribuir com sugestões.

Participaram também do seminário o secretário-adjunto de Gestão Tributária, Raul Mendonça Filho, que foi o moderador do seminário, os presidente do CRC, Antônio das Graças Alves Ferreira, da JUCEMA, Sérgio Silva Sombra, da Associação Comercial, Luzia Resende, o representante do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisa do Estado do Maranhão(SESCAP), Denilson Penha Serra, a vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CRC-MA e coordenadora do Curso de Ciências Contábeis da UNDB, Maria de Nazaré dos Anjos Barros, assim como conselheiros do CRC-MA e técnicos da Semfaz.

Projeto de lei estabelece que feriados só podem ser comemorados nas segundas, sextas, ou fins de semana

O deputado-federal e vice-líder do PCdoB, Rubens Pereira Jr. (PCdoB), apresentou parecer pela constitucionalidade do Projeto de Lei 2257/2011, do deputado Edmar Arruda (PSD), que altera a data dos feriados nacionais.

Com a nova redação, os feriados que caírem na terça-feira, serão comemorados na segunda-feira imediatamente anterior e os que caírem na quarta-feira ou na quinta-feira, serão comemorados na sexta-feira imediatamente posterior.
Para Rubens Jr. a medida é importante para a economia do país: “Há um grande prejuízo para a economia do país quando um feriado cai durante a semana”, ressaltou. 
Uma prática semelhante no Brasil é a de “enforcar” os dias restantes do feriado, sendo chamado de “feriadão”, não havendo expediente nas repartições públicas e privadas gerando, assim, um prejuízo econômico para o País.
Rubens lembra ainda que esses feriados prolongados tem reflexo imediato na economia: “Nossa balança comercial vê-se diminuída nesses períodos. Há quem defenda que até mesmo as bolsas de valores mobiliários, ou de ações, têm quedas acentuadas nas vésperas de tais feriados”, lembrou.

Sobre o projeto de lei

Há diversos feriados nacionais, estaduais, distritais e municipais que seguem intocáveis por princípio constitucional vigente.

De acordo com o voto apresentado ao projeto de lei, os feriados de 01º de janeiro (Confraternização Universal), 7 de setembro (Independência), 2 de novembro (Finados) e 25 de dezembro (Natal) não sofrerão alteração, podendo, assim, cair em qualquer dia da semana.

O projeto foi recebido pela secretaria da CCJ e aguarda inclusão na pauta para apreciação dos parlamentares.

— 

Assessoria de Comunicação Deputado Federal Rubens Jr.

Gabinete Deputado Rubens Jr.

Maranhão encerra campanha de vacinação contra gripe com cobertura de 89,51%

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), encerrou nesta sexta-feira (10) período de prorrogação da campanha de vacinação contra Influenza A (H1N1) no Maranhão. O estado atingiu uma cobertura 89,51% do público alvo, composto por 1.390.900 pessoas, superando a meta de 80% estabelecida pelo Ministério da Saúde.
A campanha, que teve início dia 30 de abril, foi voltada para os grupos prioritários formados por crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

O grupo que apresentou o melhor desempenho em relação à cobertura vacinal no Maranhão foi o de trabalhadores de saúde, com cobertura de 106,83% de imunização, seguida das puérperas (105,69%), indígenas (100,15%), idosos (92,74%), crianças (84,88%) e as  gestantes (84,79%).
A campanha foi encerrada preliminarmente no dia 20 de maio, mas teve a continuidade recomendada pelo Ministério da Saúde. “Orientamos os municípios nas estratégias de atingir os grupos prioritários de acordo com as necessidades locais e a estratégia deu certo”, afirmou a superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças, Maria das Graças Lírio Leite.
A definição dos grupos prioritários segue a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), além de ser respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.
Sintomas
A gripe – tanto a H1N1 quanto a H3N2 ou a Influenza B – tem como sintomas febre alta e súbita, tosse, dor de garganta, dor no corpo, dor nas articulações e dor de cabeça. No caso do H1N1, um sintoma que chama a atenção é o cansaço excessivo. É importante distinguir a gripe do resfriado comum, que é muito mais leve, com sintomas menos graves, como coriza, mal estar, dor de cabeça e febre baixa.

CD/DVD dos 25 anos de cantoria de Chagas será lançado neste sábado, no Shopping da Ilha

O CD/DVD dos 25 anos de cantoria do artista popular Chagas (ex-Boi da Maioba, atualmente no Boi de Ribamar) será lançado neste sábado (11/06), no Shopping da Ilha. Gravado no último dia 12 de março, na Casa das Dunas (Avenida Litorânea), o material áudio-fonográfico conta ainda com as vozes dos cantores Rita Beneditto e César Nascimento e participação de crianças e adolescentes maranhenses, cujo talento foi garimpado durante oficinas de canto, dança, percussão e composição realizadas em São Luís, Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar e Icatu.
A vasta programação festiva alusiva ao lançamento terá início às 11h e se estenderá até as 18h. Estão previstas várias apresentações de novos talentos do bumba-meu-boi, garimpados nas oficinas de cantoria, dança, percussão e composição de toadas, no sotaque boi da ilha (matraca). O próprio Chagas também cantará algumas toadas que marcaram a sua trajetória na maior manifestação folclórica do Maranhão.
O cantador e compositor Chagas, cujo nome civil é Francisco de Sousa Corrêa, tornou-se o principal amo do Boi da Maioba após a saída do não menos aplaudido João Chiador, em 1993. Ainda com 19 anos, Chagas chegou ao grupo para ser auxiliar de João Chiador e hoje é reverenciado e homenageado por todos, incluindo diretoria, brincantes, comunidade e nação maiobeira.
A história de Chagas se inicia com o seu nascimento no povoado de Mamuna, no município de Icatu, passando por várias etapas até se tornar o grande cantador Chagas.
O projetos ter diferentes objetivos simultâneos, nos aspectos artístico, social e cultural, na forma de honroso tributo ao cantador, que fez história por um quarto de século no batalhão pesado da Maioba e agora empresta seu talento ao Boi de São José de Ribamar.
Oficinas
Com a proposta de oportunizar a crianças, adolescentes e jovens interagirem com a cultura do bumba-meu-boi de forma mais efetiva, o projeto realizou oficinas de cantoria, dança, percussão e composição de toadas, no sotaque boi da ilha, ensejando iniciação à aprendizagem dessas artes e técnicas populares, de modo a fortalecer a identidade cultural das pessoas nas comunidades envolvidas, nos municípios de São Luís, Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar e Icatu, resultando na gravação de um DVD e um CD.
A produção do projeto e a Valeu Mandou Legal Produções e Eventos, na pessoa do apresentador e produtor cultural Osvaldo Sousa, enaltecem a especial deferência da patrocinadora Cemar e do Governo do Maranhão, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, que souberam ver no projeto uma forma digna de promoção e difusão da cultura popular maranhense, apoiando um processo específico de ensino/aprendizagem de um sotaque do bumba meu boi do Maranhão.
Com tal suporte, por possível privilegiar a importância da constante revitalização dessa arte secular no Maranhão, com especial atenção à transmissão desses conhecimentos tradicionais por um mestre renomado, que é o cantador Chagas, do Boi de São José de Ribamar.

Ao tomar posse como vereador, Carioca revela ameaça de morte

Carioca foi empossado vereador com cassação de Beto Castro por uso de documento falso na campanha

Carioca foi empossado vereador com cassação de Beto Castro por uso de documento falso na campanha (Foto: Biné Morais/O Estado)
O empresário Paulo Roberto Pinto, mais conhecido como Carioca (PHS), finalmente tomou posse, hoje, do cargo de vereador de São Luís. Em seu pronunciamento, revelou que está sendo ameaçado de morte pelo agora ex-vereador Beto Castro (Pros), cassado por 6 votos a 1 pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por uso de identidade falsa na eleição de 2012, e de quem herdou o mandato.
Na tribuna, Carioca revelou estar sendo ameaçado de morte

Na tribuna da Câmara, Carioca revelou estar sendo ameaçado de morte
Carioca ressaltou ter muitos amigos que lhe deram força nessa jornada e que trabalhará junto com o parlamento municipal para fazer o bem para a cidade. “Tudo tem sua hora. Eu disse que ia lutar pelo meu objetivo e vou trabalhar pela minha reeleição. Hoje, sou vereador. Agradeço a Deus e à minha família”, frisou.
O novo vereador do PHS destacou que são poucos meses para mostrar serviço, “mas se formos um bom parlamentar a gente trabalha. Vamos trabalhar por essa população de São Luís, que merece. Nunca desista do seu sonho. Agradeço ao meu filho e à minha esposa, Bianca. Estou aqui para votar o que for bom para São Luís. Que Deus me dê coragem aqui”, declarou.
Ao final Carioca disse que está sendo ameaçado de morte pelo vereador cassado Beto Castro todo dia. “Mas arma não ficou só para ele”, contra-atacou.

Vereador Roberto Rocha Júnior pede implantação de sinais sonoros nos semáforos

O Plenário da Câmara Municipal aprovou na manhã desta quarta-feira, 08, uma importante proposição que visa facilitar o acesso da pessoa com deficiência visual ou com mobilidade reduzida, nas vias públicas de São Luís. De autoria do vereador Roberto Rocha Júnior (PSB), o requerimento propõe que a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), instale semáforos com sinais sonoros, em complemento aos sinais visuais, nas principais vias públicas e próximos a estabelecimentos como shopping, faculdades, escolas, supermercados, dentre outros locais onde o fluxo de veículos seja mais intenso.  

No Brasil, várias cidades já disponibilizam os semáforos com sinais sonoros para ajudar na travessia dos cegos. O seu uso é bastante simples: basta pressionar um botão, e o deficiente visual irá ouvir um som que indicará que o dispositivo foi acionado. Quando a via for fechada, um outro som mais alto será emitido, sinalizando que o pedestre já pode atravessar a rua em segurança.

“Muitos acidentes fatais ocorrem em decorrência de atropelamentos, portanto, essa medida, além de garantir maior acessibilidade e segurança, irá propiciar, sobretudo, o direito constitucional de ir e vir, promovendo a inclusão dessas pessoas que lutam para terem seus direitos respeitados de forma digna na sociedade”, ressaltou o vereador Roberto Rocha Júnior.

ACESSIBILDADE— O parlamentar, desde que assumiu o seu mandato na Câmara Municipal, já apresentou inúmeros requerimentos para ajudar na acessibilidade da pessoa com deficiência, em São Luís. Ele é o autor do Projeto de Lei 233/13, já aprovado pela Câmara Municipal, que assegura aos deficientes visuais residentes em São Luís, o direito de receberem em braile e sem nenhum custo adicional, as correspondências oficiais do Poder Público Municipal, bem como das empresas comerciais de toda e qualquer natureza.

Câmara em Pauta

Cultura popular
Vereador Honorato Fernandes comandou audiência pública que discutiu cultura popular

Vereador Honorato Fernandes comandou audiência pública que discutiu cultura popular
A Cultura Popular de São Luís foi a temática de uma audiência pública realizada, na última sexta­feira (03), na Câmara Municipal. No encontro, representantes da cultura e dos poderes públicos local, estadual e nacional debateram acerca das políticas públicas voltadas para o setor. O vereador Honorato Fernandes (PT), autor da proposição que deu origem à audiência, destacou que o poder público precisa ter uma visão mais ampla acerca da cultura, enxergando­a para além do seu caráter simbólico. Segundo o vereador, é preciso ver a cultura sob a perspectiva de referência identitária e, sobretudo, com uma visão mais estratégica de investimento.
Cultura popular II
“As gestões públicas têm uma visão muito pequena acerca da cultura, muitas vezes limitada ao aspecto simbólico, deixando de lado a perspectiva humana, identitária e econômica. No aspecto econômico, por exemplo, ignoras­se a cultura como forma de geração de renda, emprego e desenvolvimento”, destacou o vereador petista. O parlamentar enalteceu ainda o movimento Ocupa Minc­MA, movimento de resistência ao governo do presidente interino Michel Temer, que extinguiu o Ministério da Cultura, quando formou a nova estrutura. Em São Luís, artistas e agentes culturais ocupam a sede do IPHAN como forma de protesto aos retrocessos do atual governo.
Cultura popular III
Durante a audiência, a questão da acessibilidade cultural foi outro tema destacado por Alessandra Gomes, Conselheira Nacional de Políticas Culturais. Ao falar da Lei Brasileira de Inclusão, ela criticou a falta de acessibilidade, tanto para os artistas, quanto para o público portador de deficiência. “É preciso falar da Lei Brasileira de Inclusão (LBI), porque parece que ninguém tem conhecimento dessa lei. Até hoje, os artistas e o público portador de deficiência estão à margem de tudo. Os artistas com deficiência não conseguem sequer ter acesso aos editas de cultura, porque os editais não são disponibilizados em formato acessível”, pontuou a conselheira.
Preservação do Centro Histórico
Josué Pinheiro pede preservação de escadaria do Centro Histórica

Josué Pinheiro pede preservação de escadaria do Centro Histórica
Com uma indicação e um requerimento já aprovados pela Câmara Municipal de São Luís, o vereador Josué Pinheiro (PSDB) está solicitando aos governos do estado e do município, respectivamente, a execução de serviços de reforma manutenção e limpeza das escadarias localizadas no Centro Histórico e praças públicas da cidade.  No seu expediente a administração estadual ele pede que seja “autorizando o setor competente de sua administração a executar serviços de reforma e manutenção das escadarias localizadas no Centro Histórico que acaba de ser aprovada pela Câmara Municipal de São Luís”. Em sua proposição, o parlamentar tucano enfatiza que seu pleito seja incluído no programa de metas prioritárias do governo.
Preservação do Centro Histórico II
Observa o vereador social democrata que “nestes belos cenários já apresentam vários pontos de deterioração, degraus com bordas quebradas, incrustações e imperfeições pelo desgaste dos pisos que podem representar riscos e acidentes aos pedestres”. Em continuidade a sua observação, ele diz que “os serviços de reforma e manutenção promoverão as melhorias estruturais, possibilitando que todos, turistas e a população local, possam utilizar os referidos passeios públicos com maior segurança”.
Limpeza de praças
Já em um requerimento dirigido ao prefeito Edivaldo Holanda, o vereador do PSDB faz a solicitação de execução dos serviços de capina, poda das árvores e limpeza permanente das praças públicas da cidade. Ao destacar que esses logradouros se constituem em principais áreas de lazer para as famílias, idosos e jovens das comunidades, Josué Pinheiro frisa que “a execução dos serviços de limpeza e manutenção permanente das praças promoverá a melhoria das condições de mobilidade urbana e segurança do usuário local”.
Limpeza de praças II
Sobre a necessidade da sua solicitação, Josué Pinheiro acentua que “durante o período chuvoso o crescimento da vegetação existente nas praças podem dificultar as caminhadas e o uso adequado dos equipamentos que foram recentemente disponibilizados pela gestão municipal à população”.
Melhorias 
Armando Costa quer melhorias para o Alto da Esperança e Vila Mauro Fecury II

Armando Costa quer melhorias para o Alto da Esperança e Vila Mauro Fecury II
A Câmara Municipal aprovou, por unanimidade, uma indicação e um requerimento de autoria do vereador Armando Costa (PSDC), pedindo que o governador Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Holanda realizem, com urgência, benefícios cobrados por milhares de moradores do Alto da Esperança e da Vila Mauro Fecury II.  Na indicação, o vereador Armando Costa solicita que o governador e o presidente da Caema providenciem a construção de rede coletora de esgoto nas 1ª, 2ª e 3ª travessas do Residencial Taguatur (Alto da Esperança). A comunidade nunca foi contemplada com os serviços públicos de saneamento básico, pontua ele.
Melhorias II
No requerimento, Costa solicita que o prefeito e o secretário da SMTT implantem faixa de pedestre, com semafóro, na Estrada da Vila Nova (Vila Mauro Fecury II), especificamente em frente à Igreja Assembleia de Deus (área 24) e na estrada do São Raimundo, em frente à feira e em frente à Escola Cruzeiro do Sul. Para Armando Costa, certamente o governador e o prefeito serão sensíveis aos pleitos dos moradores do Alto da Esperança e da Mauro Fecury II, que sofrem com os problemas de saúde provocados pelos esgotos a céu aberto e com acidentes, alguns com vítimas fatais, motivados pela falta da faixa de pedestre na área.

Festival de pipas na Cidade Operária

Neste próximo sábado (11) acontecerá no antigo lixão do bairro da  Cidade Operária o festival de pipas das 15:h às 18h. Na na oportunidade será recolhido assinaturas para ser realizado uma Ação Global na Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) em 2017.

Ocorrerá sorteio de brindes,contamos com a presença de todos, participe!
Ciro Nolasco subprefeito de São Luís.