População aprova obras de urbanização realizadas pela Prefeitura em mais de cem bairro

A realidade do bairro Residencial Paraíso, localizado no final da Vila Embratel, em nada lembra os dias de transtornos causados pelo lamaçal que se formava no local depois de cada chuva. Com 100% das ruas pavimentadas – parte delas com bloquetes de paralelepípedo -, o cenário vivido pelos moradores do bairro agora é outro, exaltado como a realização de um grande sonho. O Residencial Paraíso é um dos cem bairros da capital, que receberam da Prefeitura de São Luís serviços de infraestrutura urbana, sendo que em muitos deles nunca antes havia sido realizado qualquer benefício na área.

“O objetivo destas obras é melhorar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) nestes bairros. Antes das intervenções feitas pela gestão do prefeito Edivaldo, todos careciam de obras de infraestrutura. Com a ubanização, melhoramos a saúde, a segurança e a mobilidade nestas comunidades, além de valorizarmos os imóveis e possibilitarmos mais integração entre os moradores. Agora, a população dessas localidades dispõe de áreas urbanizadas”, diz o secretário de Obras e Serviços Urbanos (Semosp), Antonio Araújo.

A marca de cem bairros e duas mil vias urbanizadas em São Luís na gestão do prefeito Edivaldo foi atingida há um mês, com a entrega oficial das obras do Programa Mais Asfalto nos bairros do Santa Cruz, Vera Cruz e Radrional. A contabilização abrange os serviços de urbanização realizados pela Prefeitura de São Luís, com urbanização que inclui pavimentação, drenagem com meio fio, sarjeta e calçada, e reforço na iluminação; e contempla também as vias requalificadas por meio do Programa Mais Asfalto, uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís.

MELHORIAS

Elisângela Nunes, 30 anos, dona de casa São locais que saíram do zero em termos estruturais e que a urbanização, segundo os moradores, elevou à condição de bairros de verdade. É a opinião da dona de casa Elisângela Nunes, 30 anos. Ela reside há seis anos na Rua Floriano Peixoto, localizada às margens de uma encosta. A rua é uma das vias do Residencial Paraíso que foi totalmente pavimentada com bloquetes pela Prefeitura de São Luís. No Residencial Paraíso, foram 70 vias beneficiadas, totalizando 11km de pavimentação, entre asfalto e bloquetes.

A moradora relembra com certa angústia os tempos de outrora e relata com satisfação o novo momento vivido por sua família e seus vizinhos. “Agora, sim, podemos dizer que moramos em uma rua de verdade. Antes era só piçarra e lama e, por ser uma área meio escondida, achávamos que nunca veríamos esses serviços chegarem aqui. Estamos muito felizes por isso”, disse Elisângela Nunes.

Um pouco mais adiante, no Alto da Vitória, outra área da região Itaqui-Bacanga a receber serviços abrangentes de infraestrutura urbana, as histórias de satisfação pelas melhorias proporcionadas ao local se repetem. Morando há quase 40 anos na Rua da Juçara, uma das vias do Alto da Vitória, o aposentado José Pinto da Silva, 68 anos, vê, pela primeira vez em quase quatro décadas, os serviços chegarem efetivamente a seu bairro.

“As chuvas, quando chegavam, nos davam pavor. Como aqui é uma área muito baixa, a enxurrada vinha com muita força e levava tudo pela frente. Era um problema que enfrentávamos todos os anos, mas que, enfim, foi solucionado com a pavimentação e as obras de drenagem realizadas aqui”, relata o aposentado.

Relato similar faz a comerciante Marlene Aroucha, 58 anos, moradora da Vila Izabel, onde também foi executado um amplo projeto de urbanização, com obras de drenagem superficial e profunda, para solucionar os graves problemas de alagamentos verificados no local.

“Não tenho palavras para expressar o que essas obras trouxeram para nossas vidas, aqui na Vila Izabel. Criei 16 filhos adotivos, literalmente, sobre a lama, passando com eles todos os transtornos possíveis, e já nem acreditava mais que um dia alguém olhasse para a nossa comunidade. Hoje, tenho o prazer de andar em minha rua, totalmente asfaltada. A água da chuva não empoça mais porque o escoamento agora funciona”, disse Dona Marlene.Residencial Paraíso recebeu bloquetes em diversas ruas

BENEFÍCIOS

Os relatos de vida dos moradores citados são apenas alguns das centenas de exemplos que demonstram na prática os efeitos positivos que as obras de infraestrutura urbana realizadas pelo município têm provocado na vida das pessoas e na comunidade onde elas vivem.

Em cerca de 100 bairros, a Prefeitura realizou serviços similares, contemplando-os com obras de pavimentação asfáltica, drenagem superficial e profunda, construção de pontes, canais, reformas e construção de praças, calçamentos, meios-fios e sarjetas. Tudo com o propósito de levar melhorias à qualidade de vida da população, promover mais saúde aos moradores de área com deficiências no saneamento básico e tornar os locais mais aprazíveis.

Entre as dezenas de bairros que viviam no isolamento e foram beneficiados com obras de infraestrutura executadas pela Prefeitura de São Luís estão ainda o Parque Sabiás; Residencial 12 de Outubro, na região do São Raimundo, que teve a totalidade das vias pavimentadas, da mesma forma como aconteceu nos seus vizinhos Pontal da Ilha e Jardim São Raimundo.

Há mais de 30 anos a espera de serviços de urbanização nesses bairros acabou com a chegada do asfalto e as obras de drenagem superficial e profunda, que transformaram as ruas – antes intransitáveis – em vias bem pavimentadas e com eficientes sistemas de drenagens. Estão ainda incluídas nessa categoria locais como Jambeiro, Apaco, Tiradentes, Jardim Conceição, entre outros.

Foram contemplados também outros trechos da cidade, que passavam por uma crítica situação de deterioração das vias, há décadas sem receber qualquer melhoria em sua infraestrutura urbana, a exemplo do Coroadinho, Areinha, Sá Viana, Túnel Sacavém, Anjo da Guarda, Vila Embratel, Cidade Operária, São Cristóvão, Vicente Fialho, João Paulo, Santa Clara, Cohab, Parque Timbiras e dezenas de outros bairros, além das ruas do Centro da capital.

“As obras nos trouxeram um novo ânimo. Com as ruas pavimentadas, os moradores se sentem mais estimulados a reformar suas casas e a caprichar na decoração, porque sabem que agora as ruas já não são mais aquele rio de lama e poeira de antigamente. Consequente aumentaram as vendas no nosso comércio e em outros estabelecimentos do bairro também.

Além disso, nossos imóveis hoje estão bem mais valorizados e muitos moradores que antes pensavam em vender suas casas por causa dos problemas de infraestrutura que enfrentávamos aqui já nem pensam mais nisso”, afirmou a comerciante Valdirzia Costa, moradora do Pontal da Ilha.

Câmara de São Luís lamenta morte do ex-prefeito João Castelo

cc

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Luís, em nome dos seus 31 vereadores, vem a público lamentar o falecimento do ex-prefeito João Castelo (PSDB), ocorrido na manhã deste domingo, dia 11 de dezembro de 2016.

Castelo foi um homem público digno, que honrou a cidade de São Luís, o estado do Maranhão e o Brasil. Sua morte deixa uma lacuna irreparável. Em nome de todos os vereadores, prestamos nossas homenagens e nos solidarizamos com a família e amigos desta figura ímpar da política maranhense neste momento difícil. Somente Deus para confortar os familiares e amigos neste momento de insuportável dor — diz o vereador Astro de Ogum (PMN), presidente da Câmara Municipal de São Luís.

BIOGRAFIA

Filho de Tales do Amarante Ribeiro Gonçalves e Maria Antonieta Cruz Ribeiro Gonçalves, João Castelo nasceu no município maranhense de Caxias em 19 de outubro de 1937. Era técnico em administração registrado no respectivo Conselho Federal e foi assistente de gabinete do então prefeito Carlos Vasconcelos em São Luís até ser efetivado como funcionário do Banco da Amazônia em 1956, chegando a ocupar uma de suas diretorias antes de ingressar na política. Castelo estava no seu quinto mandato de deputado federal. Antes disso, tinha sido prefeito de São Luís, além de governador do Maranhão e senador pelo referido estado.

Vaga de João Castelo ficará com Luana Alves

kk

A primeira suplente Luana Alves (PSB), esposa do prefeito de Santa Inês Ribamar Alves, assumirá a vaga de João Castelo (PSDB) na Câmara dos Deputados.

Ex-prefeito de São Luís e deputado federal, Castelo morreu no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. O PSDB perde o único representante maranhense que tinha na Câmara.

Luana ficou como primeira suplente da coligação de Castelo em 2014, a “Todos Pelo Maranhão”.

Ele obteve 51.418, pouco menos que o próprio tucano, que se elegeu com 52.783 votos.

Do blog Gilberto Lima.

Faleceu em São Paulo, o deputado João Castelo

O deputado federal do Maranhão, João Castelo (PSDB), faleceu na manhã deste domingo (11), no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. A morte do parlamentar foi confirmada às 10h15 (horário de Brasília). Ele morreu aos 79 anos de idade.

O deputado foi transferido de São Luís para a casa de saúde em São Paulo no dia 31 de outubro. No dia 10 de novembro, ele foi submetido a uma cirurgia para a revascularização do miocárdio. Desde então, estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sem previsão de alta.

Em nota, a família confirmou a morte do deputado. “A família do deputado federal João Castelo Ribeiro Gonçalves, cumpre a dolorosa missão de informar aos parentes, aos amigos e a todo o povo maranhense o seu falecimento na manhã deste domingo”, diz trecho da nota.

Natural de Caxias, distante 281 km de São Luís, João Castelo Ribeiro Gonçalves estava no terceiro mandato como deputado federal. Foi prefeito de São Luís entre 2009 e 2012. Antes, governou o Maranhão de 1979 a 1982. Foi também senador de 1983 a 1991.

Foi durante seu governo no estado que a ponte Bandeira Tribuzzi, o Estádio Castelão (nome alusivo ao próprio governador) e a Italuís foram construídos, assim como Conjunto Maiobão, Cohatrac e Cidade Operária. O Hospital do IPEM (Dr. Carlos Macieira) foi outra obra de sua gestão como governador. Ele foi presidente também do Banco da Amazônia (BASA) em 1970.

Do G1 MA

Nasce a segunda filha do prefeito Edivaldo Holanda Júnior

dd

Nasceu na tarde desta sexta-feira (9), a segunda filha do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). O anúncio do nascimento da pequena Vitória foi feito através das contas pessoais no Instagram de Camila Braga e do próprio pedetista. Esta será a segunda herdeira do casal que comanda o Palácio de La Ravardiere, anteriormente Edivaldo e Camila já tinham Talita, que sempre foi presença constante nas atividades do governo municipal.

De acordo com a mensagem do prefeito: “Minha mais nova princesa nasceu! A Vitória é linda e chegou cheia de saúde. Louvado seja Deus que nos deu mais este presente para cuidar e amar. Eu, Camila e Talita somos só alegria. Obrigado a todos pelas orações e mensagens de carinho. #Amominhafamília”.

Por conta do nascimento da pequena Vitória, Edivaldo Holanda Júnior não participou da inauguração do Hiper Mateus, ocorrida na manhã desta sexta-feira (9), em São Luís.

TRE anuncia datas de diplomação dos eleitos em São Luís, Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa

tt

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA) diplomará, nos dias 16 e 19 deste mês, os prefeitos e vereadores eleitos e seu respectivos suplentes nos municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. Serão três cerimônias, já que os eleitos em Paço do Lumiar e em Raposa serão diplomados em um ato conjunto. Confira as datas e os locais:

Paço do Lumiar e Raposa

Ambos no dia 16 de dezembro, às 16h, na Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Maranhão, localizada na Avenida 1 do Maiobão.

São José de Ribamar

19 de dezembro, 9h, na Casa da Justiça.

São Luís

19 de dezembro, às 17h, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana.

Diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo e, por isso, está apto a tomar posse no cargo. Na cerimônia de diplomação, ocorre a entrega dos diplomas, que são assinados, conforme o caso, pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ou da junta eleitoral.

A entrega dos diplomas ocorre depois de terminado o pleito, apurados os votos e passados os prazos de questionamento e de processamento do resultado das eleições. No caso de eleições presidenciais, é o TSE que faz a diplomação. Para os eleitos aos demais cargos federais, estaduais e distritais, assim como para os suplentes, a entrega do diploma fica a cargo dos TREs. Já nas eleições municipais, a competência é das juntas eleitorais.

Segundo o Código Eleitoral (art. 215, parágrafo único), no diploma devem constar o nome do candidato, a indicação da legenda sob a qual concorreu, o cargo para o qual foi eleito ou a sua classificação como suplente, e, facultativamente, outros dados a critério do juiz ou do Tribunal.

Fonte: Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA)

Dia de beleza para mulheres e seus mascotes no Dot

Mascote do Dot Beauty faz ação de publicidade para atrair o público

Mais da metade das famílias brasileiras têm um bichinho de estimação em casa, e 63% delas tratam os pets como filhos. Ao mesmo tempo, um número cada vez maior de hotéis, lojas e restaurantes, está adaptando seus ambientes para receber os pets de sua clientela, são os negócios pet-friendly.  Para o empreendedor, a tendência se traduz em uma demanda cada vez maior por novos produtos e serviços.

Dani Braide Maciel, sempre em busca de trazer praticidade para os clientes do seu salão de beleza, o Dot Beauty, busca parcerias com outras empresas de diversos segmentos, assim, enquanto as clientes cuidam do visual, têm alí mesmo no Dot, a possibilidade de adquirir inúmeros produtos e serviços de empresas parceiras do salão.

Amanda e sua cadela basset hound, Fiona

Como muitas de suas clientes possuem cães, em uma destas parcerias, desta vez com a Pet Free ( com sede na rua do Aririzal), Dani transformou o estacionamento do Dot em um grande pet shop.

Jorge Thadeu faz show na sexta, 16, na Praia Grande para lançar novo CD

O que tem no tabuleiro do Thadeu?
O cantor Jorge Thadeu lança nesta sexta-feira, 16, com show na Praça Nauro Machado – Praia Grande – o seu novo CD “Tabuleiro”, gravado no último semestre, na Bahia. Maranhense de Pinheiro radicado em Salvador (BA) há 13 anos, Thadeu está de volta à Ilha depois de seis anos sem se apresentar por aqui para comemorar os seus 30 anos de carreira. Na bagagem, além da musicalidade impregnada pelos ritmos da Bahia, Maranhão e do mundo traz composições novas, regravações e antigas parcerias.
Entre novidades e sucessos do passado está, por exemplo, “Americana”, autoria dos paraenses Mestre Solano e Frank Carlos, uma espécie de precursora da lambada que agitou os salões na década de 80.  E “Decola”, (Magary Lord e Ramon Cruz), swing baiano com tempero do Pará, um convite imediato à dança e candidatíssima a virar hit no verão soteropolitano. O cantor também exercita o lado pop-romântico na balada “Soletrando Amor” , que fez em parceria com Totonho Villeroy, compositor gravado por Maria Bethânia e Ana Carolina, entre outras.
Alguns parceiros ao longo de três décadas dessa estrada musical estão no álbum. Thadeu assina com os também maranhenses Gerude e Ronald Pinheiro a faixa “Armando Alegria”, um frevo-ijexá com o auxílio luxuoso da guitarra de Armandinho Macêdo, do trio elétrico Dodô e Osmar. A sonoridade do Maranhão explode em “Marafricana” (inédita de Beto Pereira e Erasmo Dibel) e “O Pregoeiro” (Alê Muniz, Luciana Simões e Gérson da Conceição).
No palco, além da performance ousada que Thadeu já exibia bem antes de Johny Hooker virar ídolo da novíssima geração, o público verá as participações especiais de Célia Leite, com quem Thadeu estreou nos palcos no show “Ondas e Lombras”, em 1984, e de João Gerude e Eduardo Pinheiro (filhos, respectivamente, de Gerude e Ronald Pinheiro).
SERVIÇO: 
O QUÊ: Show Jorge Thadeu
ONDE: Praça Nauro Machado/Praia Grande
DIA: 16/12
HORA: 21

Desembargador Daniel Leite será homenageado com Medalha ao Mérito Legislativo

aa

A Assembleia Legislativa do MA irá condecorar no próximo dia 13 de dezembro, o Desembargador  Daniel de Faria Jerônimo Leite,  pela sua relevante contribuição no Judiciário maranhense. Daniel Leite foi Procurador Geral do Estado no governo do ex–governador Jackson Lago. Atualmente, é Procurador Geral do município e Desembargador Eleitoral pela OAB – MA.  A solenidade está marcada para a próxima terça- feira (13), às 11horas, no Plenário Nagib Haickel do Palácio Manoel Beckmam.

Jantar de Natal para 1.500 carentes

jantar de natal

No próximo dia 12 de dezembro, está confirmado um jantar especial (uma espécie de ceia de Natal antecipada) para 1.500 pessoas carentes de São Luís, a ser oferecido pela Igreja da Sé, resultado de arrecadação capitaneada por empresários locais. O ato é uma maneira encontrada para tornar o Natal de muita gente mais feliz.

Nesta época do ano, as pessoas assumem uma postura mais solidária e isto favorece ações como essa. Muito bom seria se todos fizessem a sua parte.

Uma das madrinhas da ação é a empresária Daniella Andrade (na foto com o padre César Sousa, da paróquia), que com suas boas relações e amplo círculo de amizade empresarial, contribuiu sobremaneira para a organização do jantar.