Um homem simples para representar o Maranhão no senado

Um bom nome para representar o Maranhão no senado.

Pré-candidato ao Senado, o vereador Marquinhos Silva deu uma declaração que mostra a sua certeza de que vai estar na disputa eleitoral desse ano: “A cada dia que passa vejo que o sonho de um homem simples chegar ao Senado se aproxima de uma realidade. Conheço as mazelas, sou oriundo da periferia e faço do meu mandato, um mandato para colaborar com os menos assistidos, os que buscam dias melhores e mais justo. Quero ser o seu porta voz!”, declarou.

Marquinhos Silva irá se filiar nos próximos dias no PSL, partido pelo qual disputar vai concorrer ao cargo de senador.

O vereador gosta sempre de lembrar que apenas filhos de bem nascidos e herdeiros políticos chegaram ao Senado Federal, e que o povo do Maranhão tem uma oportunidade de ver alguém simples chegar a Câmara Alta do Congresso Nacional.

GOVERNO FEDERAL DECIDE FAZER INTERVENÇÃO NA SEGURANÇA DO RIO DE JANEIRO

Rio de Janeiro em guerra.

O presidente Michel Temer decidiu no início da madrugada desta sexta-feira, 16, decretar intervenção na segurança pública do Rio de Janeiro. O Exército passará a ter responsabilidade sobre as polícias, os bombeiros e a área de inteligência do Estado, inclusive com poder de prisão de seus membros. O interventor será o general Walter Braga Neto. Na prática, o oficial vai substituir o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão (MDB), na área de segurança. A decisão do governo federal contou com o aval de Pezão.

Pela Constituição, cabe ao presidente do Congresso, Eunício Oliveira (MDB-CE), convocar sessão para que as duas Casas Legislativas aprovem ou rejeitem a intervenção em dez dias. O decreto, que será publicado ainda nesta sexta-feira, tem validade imediata.

Enquanto a intervenção vigorar, não pode haver alteração na Constituição. Ou seja, nenhuma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) pode ser aprovada.

É o caso da reforma da Previdência, que começa a ser discutida na segunda-feira pela Câmara. Uma ideia é decretar a intervenção e suspender seus efeitos apenas por um dia, para a votação das mudanças nas regras da aposentadoria.

A decisão pela intervenção foi tomada em uma reunião tensa no Palácio da Alvorada, com a presença de ministros e parlamentares. No mesmo encontro, Temer bateu o martelo sobre a decisão de criar o Ministério da Segurança Pública. A proposta partiu do presidente do Senado. Não se trata de uma ideia nova, mas ela foi desengavetada agora pelo Palácio do Planalto na tentativa de emplacar uma agenda popular, a sete meses e meio das eleições.

Pesquisas encomendadas pelo Planalto mostram que a segurança é uma das principais preocupações da população, ao lado da saúde. Na avaliação de auxiliares de Temer, as iniciativas de decretar a intervenção na segurança pública do Rio e de criar um ministério para cuidar da área passam a imagem de que o governo federal não está inerte e age para enfrentar o problema, embora a competência no setor seja dos Estados.
(AE News)

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), precisou ser convencido da decisão pela intervenção. O deputado se queixou de que não foi convidado a participar de reuniões sobre a crise na segurança desde o início da crise e demonstrou irritação com o ministro da Justiça, Torquato Jardim. Inicialmente contra a intervenção no Rio, o deputado foi avisado de que seria responsabilizado publicamente pela crise na segurança do Estado, e acabou cedendo. Durante o encontro, a situação vivida no Rio foi comparada a uma “guerra civil”.

Coronel da PM mata genro que agredia filha dentro da sua casa

Um crime chocou os moradores do Parque dos Nobres na noite desta quinta-feira (15). Um Coronel da Polícia Militar do Maranhão já reformado (aposentado), matou com dois tiros o namorado de sua filha mais nova. O assassinato ocorreu, após o pai presenciar uma briga entre o casal, onde o rapaz estaria agredindo fisicamente a moça.

Inconformado com a cena e com a reação do rapaz, o militar aposentado pegou sua arma e disparou a queima roupa. Após o ato criminoso, o pai ainda pegou o corpo do namorado da filha e colocou na calçada de sua casa que fica localizada na Avenida dos Nobres no bairro de nome homônimo.

Logo após o crime, o militar fugiu. No momento, a Polícia Militar e Civil encontra-se no local para realizar perícias. O rapaz assassinado era morador do bairro vizinho, Parque Pindorama, e trabalhava como músico.

Animação, organização e segurança marcaram Carnaval 2018 em Colinas

Carnaval em Colinas repleto de muita alegria e segurança.

Foram quatro dias de muita folia e um show de animação no Carnaval 2018 do município de Colinas. Confirmando o que havia garantido a Prefeitura Municipal, foi uma festa marcada por muita alegria dos foliões.

E para garantir total segurança aos milhares de foliões que se divertiram na festa, foram acionados mais de 60 seguranças profissionais, escalados em turnos de 24 horas, em regime de plantão. Integraram a equipe 24 seguranças particulares, mais o efetivo da Guarda Municipal e da Polícia Militar.

Três viaturas da PM deram suporte em todo o circuito da folia. Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), formadas por médicos e outros profissionais de saúde ficarão de prontidão para eventuais emergências médicas.

A logística do Carnaval de Colinas contou, ainda, com 15 banheiros químicos, instalados em pontos acessíveis e seguros, a fim de garantir conforto aos brincantes em caso de necessidade.

Bandas

Ao todo, nove bandas se apresentaram nos quatro dias de programação do Carnaval de Colinas, proporcionando animação do início ao fim da folia.

Pela alegria, organização e segurança que marcaram o Carnaval deste ano, em Colinas, ano que vem promete.

Prefeitura realizou cerca de sete mil atendimentos de saúde durante o Carnaval

Prefeitura desenvolveu campanha voltada à prevenção de doenças sexualmente transmissíveis durante o CarnavalA Prefeitura de São Luís reforçou a estrutura de pessoal e material da rede de urgência e emergência para garantir o atendimento aos foliões nas unidades de saúde da rede municipal nos cinco dias de Carnaval. Dados divulgados por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) nesta quinta-feira (15), mostram que foram cerca de sete mil atendimentos nas 10 unidades de saúde que funcionaram 24 horas no período carnavalesco. Além destes serviços, a gestão municipal desenvolveu ainda uma ampla campanha de prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) em diversos pontos de folia.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, sob a orientação do prefeito Edivaldo foi montada uma equipe que monitorou o sistema de forma permanente para garantir a resolutividade. “Além de estarem abastecidas e com equipes extras de profissionais, as unidades estavam recebendo os pacientes de acordo com a gravidade dos casos. Fizemos todos os esforços para que os atendimentos seguissem a classificação de risco, e assim garantimos também a agilidade necessária. Tivemos uma média de 1.300 pacientes por dia”, explicou o secretário.

Parte importante do trabalho foi realizado pelo Samu, que funcionou com toda a frota de ambulâncias e o apoio das bases descentralizadas, que asseguraram a agilidade no tempo resposta das chamadas telefônicas. Pelo levantamento da Prefeitura, foram feitos 946 atendimentos pelo Samu, sendo que em 267 ligações foi necessário o envio da ambulância para a remoção do paciente, nos outros casos a orientação foi feita via telefone pelas equipes médicas que estavam de plantão na base do Samu.

Na maioria dos atendimentos realizados pela rede municipal de saúde durante o Carnaval, os pacientes passaram por consulta médica e foram submetidos a procedimentos como sutura e hidratação, além de pequenas cirurgias. Casos de maior complexidade foram atendidos nos Socorrões I e II.

DSTs

Com tema “Vamos Combinar? Prevenir é Viver”, a Prefeitura de São Luís, por meio da Semus, desenvolveu ampla campanha com ações voltadas à prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), no período carnavalesco. As atividades foram centradas em pontos estratégicos de grande circulação de pessoas, onde equipes de agentes de saúde prestaram orientações, aconselhamento e distribuíram preservativos e materiais informativos sobre as formas de prevenção às DSTs/AIDS e às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

Durante o Carnaval, os agentes de saúde estiveram também na Passarela do Samba, entregando preservativos, materiais informativos, aconselhamentos sobre a importância da testagem do HIV, Sífilis. Hepatites B e C. As ações foram desenvolvidas pela Coordenação Municipal de DST/AIDS e Hepatites Virais e suas equipes de extensão formada pelos Centros de Testagem e Aconselhamento do Anil e do Lira e, também, pelo Centro de Saúde do Bairro de Fátima.

O êxito da campanha de prevenção às DSTs no Carnaval foi possível graças às oficinas de formação de multiplicadores e roda de diálogos sobre profilaxia pós-exposição ao HIV, destinada a profissionais do Serviço de Atendimento Móvel (Samu), da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Cruz Vermelha, lideranças comunitárias e populares, lideranças de movimentos jovens e estudantes. A capacitação foi feita pela Semus.

Espetaculoso carnaval em Barra do Corda

O grandioso carnaval de Barra do Corda chegou ao fim na madrugada desta quarta- feira (14). O evento encerrou com a presença de milhares de foliões que lotaram o Espaço Cultural – Tresidela.

A exemplo dos anos anteriores, opções para cair na folia não faltaram, pois além dos Paredões de Som na Beira Rio, quem preferiu matar a saudade dos bons tempos de carnaval, se esbaldou ao som de Washington Boré e suas marchinhas na Praça Melo Uchoa.

Na última noite de folia na Tresidela, a população prestigiou o desfile dos blocos campeões de 2018 e com shows musicais que ficarão guardados na memória. Segundo os dados da polícia militar, foram mais de 25 mil brincantes.

A população se despede com a sensação de dever cumprido e cheio de saudade.

Um grandioso carnaval que ficará marcado na memória do povo, mas com a certeza e focado no planejamento para 2019 que promete ser mais um grande espetáculo.

Informações de Giordano Miranda.