Mobilização acaba com Lixão na cidade Operária

O jornalista Ciro Nolasco deflagrou uma campanha contra um dos piores problemas sociais do bairro Cidade Operária: um lixão, no coração do bairro, ao lado da praça do Viva. Segundo Ciro, toda morador que entra ou sai da região sentia-se incomodado com a imagem horrível e o mau cheiro exalado do local, que era infestado por urubus e ratos. “A situação piorava quando alguém incendiava o lixão, o que provocava mal estar em centenas de moradores e chegava a suspender aulas de três escolas municipais que funcionam ao lado do lixão”, disse ele.
Na última sexta-feira, quase 200 alunos das escolas Nascimento de Moraes, liderados pela diretoria Silvia e Maria José Aragão, liderados pelo diretor Wilson, formaram um cordão humano, dando as mãos em torno do lixão e fizeram manifestação em favor do fim da problemática. Acionados para a mobilização, o superintendente de limpeza pública da Prefeitura de São Luís, Nelson Buriti e o diretor do Impur, Luis Borralho, deram as condições para ação que resultou na limpeza completa da área, isolamento do terreno com pneus e plantio de dezenas de mudas de árvores. No local, em breve ser construída uma praça. Ciro Nolasco, que está licenciado da função de Coordenador Regional da Cidade Operária, pediu apoio dos moradores para manter a área limpa e ajudar na preservação das árvores alí plantadas. Segundo o jornalista, estão sendo programadas algumas atividades esportivas no local como um torneio de pipa e um dia de colorir os pneus com crianças.
O cenário mudou completamente. A população apoiou a iniciativa que deverá ser estendida a outros bairros que sofrem com os lixões. Ciro luta agora para levar os ecopontos para a região, projeto inovador desenvolvido pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior, para solucionar o problema dos lixões na cidade. Assista ao vídeo:

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>