Wellington recebe sugestões para plano de governo em visita ao arcebispo Dom Belisário

Visita de Wellington ao arcebispo Dom Belisário foi à primeira de uma série de encontros com lideranças

Visita de Wellington ao arcebispo Dom Belisário foi a primeira de uma série de encontros com lideranças
O pré-candidato a prefeito de São Luís Wellington do Curso (PP), está realizando uma série de visitas às entidades representativas e de classe. Na manhã desta sexta-feira (24), a visita foi ao Arcebispo de São Luís, Dom José Belisário, no Palácio Episcopal, no Centro Histórico da capital.
Dentro desta agenda, o encontro foi debatido por vários temas, tais como: Campanha da Fraternidade 2016, Combate às Drogas, Turismo, Saneamento Básico, ocupação do solo, revitalização do Centro Histórico, Reforma Política entre outros assuntos em pauta na sociedade atual.
Wellington fez questão de parabenizar a Arquidiocese de São Luís pela realização da Campanha da Fraternidade 2016, que este ano abordou a vasta temática: Casa Comum, nossa responsabilidade.
“O lema deste ano que traz a saudação de Amós, diz, “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24). O tema teve um grande objetivo de chamar atenção do povo para a questão do saneamento básico no Brasil e sua importância para garantir desenvolvimento, saúde integral e qualidade de vida para todos.”, diz Wellington do Curso.
Na oportunidade, o Arcebispo Dom Belisário, falou sobre reforma política e ressaltou que a cidade de São Luís precisa de mudanças e mais cuidado.
“Nós precisamos cuidar mais da nossa cidade. O turismo aqui tem muitas vantagens, belezas que atrai o povo. O turismo dá emprego, o nosso forte é o turismo, mas tem pouco investimento, poucos cuidados. E precisamos cuidar do nosso Centro Histórico”, contou o Arcebispo.
Concordando com a palavra do Arcebispo, Wellington ainda destacou que o Centro Histórico de São Luís está abandonado e sem cuidados. “Podemos perceber que nem os próprios ludovicenses não estão vindo visitar o Centro Histórico, a insegurança toma conta; acúmulo de lixo em alguns locais devido à falta de limpeza regular; além da não preservação de alguns prédios, por isso, o Centro Histórico precisa ter mais investimento no turismo e mais zelo para que volte a ser mais frequentado”, disse Wellington do Curso.
Essa visita foi a primeira de uma série de encontros com lideranças. O próximo encontro será com o presidente da Assembleia de Deus em São Luís, José Guimarães Coutinho, e com o Presidente da OAB/MA, Tiago Diaz, agendados para a próxima semana.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>